LAÇOS E NÓS

Da minha garganta
Sai o grito
Desesperado
Do teu nome.
Nome moreno
Da cor do pecado
Que serpenteia
Meu corpo submisso.
Eu te procuro
Em cada rosto
Em cada vulto
Noturno,
Soturno,
Em cada mistério
Da noite escura
De vozes
De ecos…
Eu te procuro
Na súplica
De minha pele
Que deseja
Teu corpo moreno.
E quando o encontra
Ele te reconhece
Pelo perfume sensual
Que emana de tua pele
Cravo e canela.
E cegamente
Meu corpo te segue
Na velocidade de
Quem necessita
Do abraço
Do teu corpo
Intumescido
Num cio interminável.
Não preciso dizer
Meu corpo já diz
Que te pertenço
Sem barreiras,
Sem fronteiras,
Infinitamente
Eu e tu
Laços e nós.
Alda Alves Barbosa

8 pensamentos sobre “LAÇOS E NÓS

  1. Alda, vai escrever bem lá longe! Que poesia heim? Cheia de com o corpo moreno. Gosto de tudo que você escreve, mas esta poesia é muito para mim, fala tudo que eu quero para mim. Beleza pura. Parabéns

    • Rafaela, todos nós queremos e necessitamos de um amor assim. Saber-se amado(a) é saber que não estamos sós, que alguém se importa conosco, deixa disponível o seu ombro, o seu colo… Deixa disponível a sua alegria para compartilhar conosco, planejamos juntos, sonhamos juntos apesar de sermos dois. Deixa disponível o amor para o abraço, o beijo, as mãos para serem entrelaçadas, os corpos cheios de gotas de suor por amor demais. E ficamos disponível para abraçar o mundo… Isto o amor é, transformador.
      Abraços

  2. Quantas procuras Alda! E esse moreno deve ser muito importante. Se ele a ama como vc o ama, é um homem feliz. Curiosidade, este moreno existe mesmo? Você faz poesia dele como se ele existisse.Parabéns pelo site, por este poema, por tudo. É belíssimo, descansa nosso coração.
    Obrigada.

    • Helena, todos me fazem esta pergunta. A vida é assim, sempre estamos a procura de algo ou de alguém que supra as nossas carências. Quem sabe estou à procura de um moreno? Quem sabe este moreno já existe? Uma coisa pode ter certeza, sou apaixonada por esta cor morena com cheiro de cravo e canela. Fico feliz em saber em saber que meus poemas descansam seu coração e cá entre nós, descansa o meu também.
      Um grande abraço

  3. Alda,
    Lindo lindo este poema, mais lindo ainda é o amor demonstrado. Moreno é o nome do meu filho ele tem 14 anos, e já me passou na altura, se ele não fosse tão novinho eu diria que o poema foi escrito pra ele. Muito legal
    e um abraço, Eu não sumi não viu.

  4. Orlando, bom revê-lo depois de uma longa espera… Sumiu sim, como não? Gostou do poema? Foi escrito com amor para o amor. Este moreno é o meu porto seguro ainda inseguro, mas um dia aportarei no coração deste moreno querido! Não duvide… Achei lindo o nome de seu filho, nome da cor que amo de coração.
    Fiquei tão feliz em ver vc de novo em nosso site…e na minha vida de saudades.
    A Danielle é linda, mais bonito que ela é o seu coração. Sua foto está nos comentários, veja que menina linda e inteligente eu tenho como sobrinha!
    Um grande abraço

  5. Olá Alda ! Parabéns por mais esta linda poesia. Parece que esta cor morena está causando ciúme e alvoroço por aí né ? Será que esse moreno existe mesmo ? Ou será que é ficção ? Um bom dia pra você minha linda e fica com Deus !

    • Olá meu lindo! Verdade, esta cor morena com cheiro de cravo e canela está intrigando muita gente. Uns acham lindo este amor, outras sentem curiosidades, e tem gente com muita raiva. Mas o importante é que esse moreno continua para algumas pessoas no anonimato, mas um dia ele mostrará seu lindo rosto de anjo.
      Beijos meu lindo, obrigada pela sua participação.

Sua opinião é importante para nós. Participe com um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s