POR UMA NOVA POLÍTICA…

Protestos na Espanha, Inglaterra, França, Egito, Países Árabes, Chile, Argentina… Quais os motivos? Os porquês? Não vejo apenas como uma disputa ideológica, partidária. Não se trata simplesmente de uma discordância sobre uma forma de organizar a educação ou uma revolta contra um ou outro aspecto da economia. Não se trata de uma luta única por serviços de melhor qualidade. O que está em jogo, vendo, lendo e analisando criticamente, é a política – seu corpo, sua alma estão doentes. As estruturas – as chamadas instituições que organizam a nossa política têm se mostrado incapazes de perceber ideais e expectativas sociais, ao mesmo tempo são incapazes de coordenar o enfrentamento e soluções dos problemas mais urgentes de nosso tempo. Continuamos pensando e agindo segundo jeitos e formas ultrapassadas que não servem mais, estão absurdamente adequadas no passado. O nosso planeta ferve dentro de uma panela de pressão prestes a explodir. E o nosso país? O Brasil conseguiu não explodir uma vez. Conseguirá na segunda? Será?

Alda Alves Barbosa

5 pensamentos sobre “POR UMA NOVA POLÍTICA…

  1. Acredito que estamos diante de uma nova ordem burguesa, ou senão uma revolução burguesa mais moderna. Os protestos aparecem a todo tempo e determinados órgãos ou países se vêem obrigados a apoiá-los diante da legitimidade do que postulam, mas os protestantes não se amarram a esses órgãos ou países, ou seja, estão quebrando laços que anteriormente eram considerados perenes.

    Os protestos são bons, eles têm o condão de modificar a realidade.

    Mas, voltando ao escopo de seu texto, minha amiga, realmente nossa política está doente.

    Infelizmente temos um sistema político (um sistema social na verdade) voltado para o bem e o mal, é a nossa ordem burguesa (volto a insistir nesse ponto), onde uns se acham o suprassumo do bem e que os outros são o suprassumo do mal. Tudo isso faz com que até mesmo as faíscas de revoltas sociais se tornem alvo dessa visão deturpada, ou seja, até as manifestações são voltadas para interesses de A ou B.

    Criaram agora uma marcha contra a corrupção. Falácia, pura falácia da imprensa e de determinados partidos políticos, essa marcha não passa de uma investida da direita brasileira (digo direita no sentido moderno e não clássico) contra o governo Dilma. Não têm interesse de melhorar qualquer coisa, querem é assumir o poder, nada mais que isso.

    Não existe um remédio geral contra a corrupção, como a presidenta disse ontem no fantástico, precisamos dificultar a vida do corrupto. E aí, digo eu: está certa, pois a corrupção é um vírus que nos assola faz um bom tempo, ninguém consegue eliminar de uma hora para outra. É preciso remediar.

    Daí, nos vêm com essa marcha para querer nos fazer crer que a corrupção é algo que modifica de uma hora para outra.

    Atuam na nossa ingenuidade.

    • Adriano, o nosso país tem um passado corrupto, um presente corrupto, e um futuro promissor para a corrupção. Talvez os que se declaram ofendidos pelas generalizações sejam mesmo pessoas honestas, mas misturaram aos “porcos”, portanto, no chiqueiro estão. E com o tempo, toda ética que eles carregam consigo e que estão arraigadas às suas personalidades, caem na lama. E colocam a máscara da decência para ninguém saber que entraram no sistema também. País que só pune negros e pobres, país sem educação, sem cultura, sem alimento pro corpo e prá alma, país sem saúde que adoece os indignados pela ausência total de dignidade daqueles que nós chamamos de governantes. Este é o retrato de nosso país: país bonito com políticos feios, país com tanta riqueza dirigido pela pobreza intelectual e moral! É assim o nosso país e todo este comportamento vai sendo derramado por todos os recantos deste nosso Brasil.
      Obrigada Adriano,

  2. É, minha amiga, realmente. A corrupção começa com Dom Pedro I e não tem data para acabar.

    Enquanto isso morremos, como você disse, na falta de dignidade, pobreza intelectual e impunidade.

  3. Sim Adriano, é tudo e mais uma centena de acréscimos que nos enverganham profundamente. Não que os outros paises não tenham suas falhas, claro que têm, mas esta roubalheira neste país, acho que ele é unico, neste quesito ninguém ganha dele não.
    Com carinho

  4. Os movimentos sociais que não tem uma liderança segura e uma ideologia clara, tendem a ser manobrados por políticos expertos e interesseiros. Os defensores do atual governo de Dilma e do partido do PT, já estão mostrando suas unhas para entrar nessa luta. O presidente desse partido já postou uma carta aberta, que é um primor de auto louvação do anterior e do atual governo, bem como do dever cumprido dos seus representantes eleitos. Acontece que as coisas não são bem assim não. estes protestos, agora não são nem da direita, nem da esquerda. É um protesto muito mais abrangente e mais profundo. Os jovens querem uma democracia mais transparente e universal. uma democracia em que o dinheiro publico seja usado com critério e respeito a favor do bem comum e não para engrossar a folha salarial de nossos deputados e senadores e que viajam pelo Brasil e pelo mundo ás expensas do dinheiro público, enquanto a educação continua nos moldes antigos, com professores mal pagos em salas de aula caindo aos pedaços. afora isso há uma centena de reinvindicações que hão de vir a luz no curso do tempo. É preciso, entretanto, lançar um alerta aos jovens que participam desses legítimos protestos: não se deixem manobrar por políticos demagogos ou partidos que queiram puxar para si, as legítimas reivindicações desses movimentos, caso contrário perder-se-á tudo. Não misturem alhos com bugalhos. OBRIGADO.

Sua opinião é importante para nós. Participe com um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s