CARNAVAL EM UNAÍ RESSURGE DAS CINZAS

Carnavais vêm e vão. Em nossa terra ele foi e demorou décadas para retornar. Onde ele estava? Não perguntei, tive receios de ser mal interpretada, afinal ele podia me fazer uma pergunta  – para ele óbvia ,para mim não – “ Por que lhe interessa saber onde eu estava durante tantos anos?” Com o passar dos anos ficou mais atrevido pela idade, e eu respeito, mas ele,o carnaval, se esqueceu que é do meu interesse sim, afinal sou unaiense e moro aqui, tenho direito de saber  e ele o dever de me informar. E por causa disso ficamos capengas de mais uma festa cultural (hoje não tão cultural assim), pois traz com ela um apelo sensual muito grande. Não quero aqui focar este apelo como algo que transcende a festa , o carnaval não foi pensado no Brasil, mas é inegável que hoje temos o maior espetáculo da terra.
Nós que vivemos neste chão, no calor paradisíaco ou infernal, depende de como cada corpo reage, não poderíamos furtar a esta chamada festiva. Há quanto tempo não dizemos “presente” na escola do carnaval! Quantos pontos de interrogações foram desenhados em palavras e recebendo como resposta: “Unaí não tem uma cultura de carnaval.” Ledo engano! Sempre tivemos!  E mesmo que não tivéssemos tudo que existe teve o primeiro plantio e, para haver florada, é necessária a repetição constante dos cuidados. Por isto vamos cuidar para que em 2013 nosso carnaval seja tão cheio de belezas como a colheita de 2012.
Quem disse que o povo Unaiense não gosta do carnaval?Enganou-se novamente. Estamos no Brasil e, portanto, somos brasileiros e brasileiro ama sambar. Há um porém ,se nosso povo não gostasse do colorido da festa não procuraria as cidades próximas para viver a “ilusão do carnaval!” É o sonho tornando –se real por um tempo determinado.
Na Av. Governador Valadares, enquanto o desfile de beleza passava, vi muitos olhares perdidos. Pareciam estar em estado onírico. Estavam ali, mas  estavam vivenciando um sonho ou construindo seus sonhos não sem receio do despertar. Quem nunca construiu sonhos em pleno cenário de alegoria carnavalesca? É compreensível, “é o sonho sendo tecido dentro de outra fantasia.”
Não se entristeça porque os dias de ópio terminaram. Quem sabe no próximo ano, eles voltam mais belos para nos apaixonarmos mais. Portanto, na quarta-feira, desfaça-se de sua fantasia e pise no solo firme da cinzenta quaresma.
Não se esqueçam que tudo tem um começo e um fim. O carnaval acabou morreu nesta quarta-feira de cinzas, mas o ano que vem, ressurgirá como ressurgiu este ano, como a fênix, das cinzas.

Alda Alves Barbosa

Um pensamento sobre “CARNAVAL EM UNAÍ RESSURGE DAS CINZAS

  1. Minha parenta Alda vou discordar de você, o carnaval de Unaí não surgiu das cinzas não ainda falta surgir. fui ver o desflle na Av Governador, de pessoas com fantasias pulando na Av que vieram importandos de Paracatu e Trindade Goias, de Unaí mesmo tinha uns pessoas pulando que deixou muito a deseijar. Ainda falta resgatar o carnaval Unaiense.

Sua opinião é importante para nós. Participe com um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s