Pé de Cerrado

O veneno está na mesa!


Poderia ser apenas o nome de um filme de terror, mas não é! O veneno está na mesa é um documentário do diretor Silvio Tendler, já sugerido aqui no Pé de Cerrado, que ilustra bem a nossa triste realidade cotidiana. O veneno (não há outra palavra que melhor se adequa a essa situação), realmente está em nossas mesas todos os dias. Aos que interessam, ou àqueles  que desconhecem algumas informações, os agrotóxicos são gentilmente denominados de defensivos agrícolas. Nunca me esqueço de uma aula de geografia que tive no colegial. No auge de sua revolta pulsante, o professor disse: “não consigo entender as pessoas que chamam agrotóxicos, de defensivos agrícolas, quando na realidade, esses vilões da nossa saúde, que deterioram a nossa qualidade de alimentação – que vamos combinar, já não é lá essas coisas -, são OFENSIVOS AGRÍCOLAS.”
O Brasil tem ocupado nos últimos anos o lugar de maior consumidor de agrotóxicos do mundo. O brasileiro consome aproximadamente 5,2 litros de agrotóxico por ano, e a maior contradição nesse fato, é que o Brasil representa apenas 5% da área agrícola entre os 20 maiores países produtores agrícolas do mundo, ou seja, nossa produtividade não justifica nossa posição de liderança no ranking do uso de venenos. (Cleber Folgado, no Brasil de Fato).
A utilização dos agrotóxicos vem acompanhada do uso de fertilizantes químicos e diversos maquinários pesados, além da escolha por sementes geneticamente modificadas, tudo isso com a intencionalidade de aumentar a produtividade, e consequentemente, a concentração de renda. Os agrotóxicos prejudicam nossa saúde, contaminam o solo e os lençóis freáticos, gerando degradação ambiental, além de aumentar e concentrar o poder nas mãos de poucas empresas que dominam o mercado, e de grandes produtores rurais que utilizam de qualquer medida para aumentar a safra.

O que a população pode fazer para reverter essa situação?


Infelizmente estamos envoltos por esse tipo de produção, que em nada nos beneficia. Ainda acredito que  o melhor a se fazer, é buscar informações e averiguar sempre, sobre tudo que esteja relacionado ao assunto. Outra medida é adquirir produtos orgânicos, tais produtos, ainda são pesados para o bolso do consumidor, mas na medida em que a procura cresce, o mercado tende a voltar para esse tipo de produção.
Conheça também, a Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida. Tal Campanha tem como objetivo denunciar e alertar a sociedade para aos prejuízos causados pelo uso de agrotóxicos e ao mesmo tempo construir iniciativas que possam inclusive do ponto de vista jurídico, construir barreiras ao uso de agrotóxicos. (http://contraagrotoxicosdf.wordpress.com/sobre-a-campanha/)

Danielle Rezende

 

Sua opinião é importante para nós. Participe com um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s