A ti

Rio Preto – Unaí, MG

A ti meu  A ti A ti meu

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A ti  meu chão

consagro esse dia

que nasceu amarelo como
bola de ouro ocupando

uma fatia do céu.

É a luz
embrenhando entre
as folhas imóveis
das esculturas do cerrado,
reverberando na sombra
os teus raios no chão,
fragrância eterna de verão.
A ti meu sertão, este dia.

A ti meu chão
este fio de ouro…
Voando sobre as
águas do Rio Preto,
o peixe dourado
festejando o sol entrando
vesperando o anoitecer.

Toma esta noite meu sertão,
Dou-o a ti para que teças
Um vestido dourado e
Cubra teus seios para
As estrelas dormirem!

Alda Alves Barbosa

Sua opinião é importante para nós. Participe com um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s