Tardes

11350580_693327344104532_32829649019231694_n
Em mim reside uma tarde.
Fora de mim, outra tarde
incendeia o céu – Fogo ardente,
labaredas chamejantes- fios reluzentes
colorindo as saias rodadas no requebro
da quase noite.

A outra tarde nasce de sentimentos,
isto porque nem só de nuvens se tece
um entardecer. Quantas tardes nasceram
sem que eu percebesse… Muitos passos
acesos indo ao encontro da noite… e sonham
constelações de sonhos! E eu soterrada na
eterna escuridão , nada vi.

Lá fora, como dentro de mim
a tarde se divide em ramos de esperanças.
Tarde que entra pela fresta da janela ferida e
réstias de luz vão invadindo o quarto.

A noite logo chegará… Eu já sou noite faz tanto tempo!

Alda Alves Barbosa

Sua opinião é importante para nós. Participe com um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s