Réquiem

escada céu
O sino tange distante, eu entrelaço minhas mãos às suas e nossos olhares encontram os céus.

Hoje estamos juntos… Nada sabemos do amanhã, do depois de amanhã… Desejamos apenas estes instantes, o próximo que vier…

Nossas mãos irromperam as nuvens… Embaixo um amontoado de pessoas acompanham lentamente um triste réquiem.

E nós dois – separados pela eternidade!

Alda Alves Barbosa

Sua opinião é importante para nós. Participe com um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s